O cropped mais legal do mundo

O título é terrível, mas o post é bom #modéstiaondestávocê. Tudo isso porque preciso ir dormir daqui a pouco e ainda não pensei em um título melhor.  Em primeiro lugar, Feliz Páscoa para todas(os) vocês, e que tenham tido um feriado maravilhoso! O meu foi, e entre viagens, piscina, 50 Shades of Grey e Jägermeister, sobrevivemos. Mas vamos falar de coisa triste. Vamos falar de todo aquele chocolate que você comeu ontem e que vai virar arrependimento em 3… 2… 1…

Captura de Tela 2013-04-01 às 23.52.22

Pois é. A tendência mais desgraçada dos últimos tempos é também uma das mais legais. Ultimamente ando apaixonada por tudo que é cropped, mas os quilos a mais que o intercâmbio adicionou não permitem nem testar no escurinho do provador. Quem sabe até a Copa o verão já vou ter perdido tudo e posso dar uma chance. Mas se quilos a menos tivesse, assim me vestiria amanhã:

Captura de Tela 2013-04-01 às 23.51.52

Mentira, porque preciso trabalhar e tá fazendo no máximo uns 5˚C lá fora, mas se fosse verão, sairia assim. Jessica Hart (aquela modelo linda mas que tem um mind the gap entre os dois dentes da frente – nunca entenderei) usou esses 2 primeiros looks nos últimos tempos e foi aí que comecei a abrir os olhos para o que até então me parecia uma daquelas tendências para pular totalmente. Já me bastam todas as fotos de conjuntinho de lycra, barriga de fora e dignidade ausente – dançando Tchan em 1998.

Captura de Tela 2013-04-01 às 23.52.10

A verdade é que cropped legal é cropped bem feito. Barriga em dia, umbigo escondido, comprimento comportado, decote nos limites. Fica lindo com saia longa ou pantalona, de um jeito que nem consigo definir. Fica lindo com saia lápis, e fica lindo também fazendo conjuntinho, numa espécie de vestido cortado ao meio. Essa última parte da frase ficou tosca, mas dá para entender a ideia. Não fica piriguetesco (olha eu inventando palavras na madrugada boladona, vocabulário zero) e ainda dá para eventos mais formais, como casamentos ou formaturas, dependendo do modelo e do tecido.

Captura de Tela 2013-04-01 às 23.52.01

Tudo é uma questão de hora e lugar, mas dá. E fica super bonito, principalmente com cintura alta, mostrando só uma faixa do abdômen superior (aquele que é mais fácil de malhar, aproveite!). A parte de cima pode ser justa ou soltinha, e o corpo tem que estar em dia, porque ninguém merece ver ao vivo e a cores as dobras que você negligenciou nos últimos 11 meses. E se tiver que apostar na parte de baixo, aposte no longo. Dificilmente você vai errar, e a cobertura nas pernas compensa a falta de pano na cintura.

Pode se acostumar com a ideia – nada nova, diga-se de passagem – do abdômen de fora, que você ainda vai ver muito por aí. Inspirações de como usar é que não faltam. Agora tome coragem, tranque seus chocolates na gaveta, jogue a chave no Sena e volte pra casa caminhando. Receita de sucesso.

Anúncios

Sneakers: como usar

Tem quem torça o nariz, e tem ainda quem torça para que a moda passe logo. De um jeito ou de outro, o que não dá para negar é que os sneakers estão por toda parte. Por isso, por que não aproveitar e dar a eles um voto de confiança? Pode acabar sendo uma surpresa (bem!) agradável.

Quem acha que os tempos de usar tênis acabaram junto com as aulas de função (x) de 1˚ grau no colégio, pode rever seus conceitos: dá para atualizar o look e se manter confortável o dia inteiro – e ainda ficar uns centímetros mais alta (oh yes! salto embutido!)

A primeira pergunta que sempre surge é: mas como usar? Uma das formas mais legais é com legging de couro. Acho que, como os sneakers são mais larguinhos, pedem uma calça um pouco mais justa, e a legging de couro é ideal. A parte de cima pode ser tanto camisa/camiseta quanto casacos, suéteres, blazers etc.

A mesma ideia vale para outros tipos de calça: skinny jegging são as melhores opções, ainda mais para o dia-a-dia. Para o inverno é ideal, porque além de confortável deixam os pés super quentinhos. Para viajar então, é essencial, seja para bater perna o dia todo ou encarar algumas horas de avião ou de trem.

Com saia e vestido dá para usar também, e fica super legal. Uma saia justinha é a combinação perfeita, e o comprimento deve ser mais ou menos no meio da coxa: os tênis pedem pernas bem de fora, para não achatar a silhueta. O último look ficou show!

Com shorts dá também! De novo, curtinhos, mas podem ser larguinhos sem problemas. Com camisa, camiseta ou suéter fazem uma combinação legal, e são perfeitos sempre que a programação exige muitas andanças. Fazem muito mais bonito que os tênis esportivos e são mais confortáveis que os tênis estilo all star.

Isabel Marant lançou a onda, e por módicos US$ 750.00 os sneakers podem ser seus. Várias marcas nacionais e internacionais fizeram versões mais baratas, no entanto, e dá para encontrar na Arezzo por R$ 259,00, na Schutz por R$ 390,00 e na Esdra por R$ 409,00.

Animou? Inspirações de como usar é que não faltam!

Fotos: Las Mimas, Blog da Thássia, Tuula, Pinterest, Just Jared.

Legging já!

Quando fiz o post sobre roupas para viajar, uma amiga que está fazendo as malas veio pedir dicas de roupas para levar quando a viagem é longa, mas a mala é pequena. Na hora, falei: legging! Ela reclamou que não conseguia usar, que achava estranho, e aí já comecei a pensar num futuro post! #blogueiramarota

A questão é: não tem calça que seja mais confortável, amasse menos e ocupe menos espaço na mala que a legging. Ou seja, perfeita para viagens (ou situações em que seja preciso aliar conforto e roupa arrumadinha). Hoje em dia legging não é mais sinônimo de calça de ginástica, e existe nos mais variados tecidos e modelos. Dito isso, como combinar?

Amo legging de couro, acho que o look fica arrumado sem esforço, mas pode ser uma legging preta comum ou só com detalhes em couro. De qualquer forma, fica lindo. Se estiver frio, combine com blusas mais compridinhas, cardigãs, casacos e colete de pele. Nos pés, para ficar super confortável, sneakers. Tem quem torça o nariz, mas eu adoro.

Legging é uma ótima peça para usar com botas: pode ser de montaria, acima do joelho, de cano baixo, ankle boots etc. Fica lindo com parka (aquele casaco estilo militar), tricot larguinho, blusas mais compridas + jaqueta de couro + cachecol ou echarpe.

Outra opção para bater perna, se o clima estiver mais agradável: legging + flats. Pode ser sapatilha, oxford, slipper… E combinam com tudo. Se estiver mais quente, uma regatinha ou camiseta legal, se esfriar, um cardigã, blazer ou jaquetinha de couro.

A melhor parte é que, sendo super versátil, a legging vai para a noite sem problemas. Nessas ocasiões, prefiro as de couro, acho que ficam mais finas. Com camisa de seda ou blusinha de renda e salto alto, ficam incríveis. Dá para jogar um blazer ou até um casaco mais pesado, se estiver frio. O salto deixa o look bonito e bem arrumado, perfeito para uma noite fora.

 

 

É ou não é fácil de usar?